sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Rimel e Máscara de Cílios

Indagada pelo marido se máscara de cílios não seria o rímel, resolvi fazer uma pesquisinha a respeito do assunto e mostro para vocês, que se trata da mesma coisa, mas com denominações diferentes.

Rímel, também chamada de máscara de cílios, é um cosmético usado para escurecer, clarear ou colorir os cílios, e também para engrossá-los, alongá-los e defini-los. O rímel é comercializado em três formas: líquido, em creme e em pasta. Vem também em muitas fórmulas, tonalidades e cores. O produto é disponibilizado em tubos com bastões de aplicação. Sua composição inclui um pigmento hidrofóbico, um agente espessante solúvel em água, uma resina para formação de película, um umectante e água. Os bastões de aplicação podem ser retos ou arqueados, para curvar os cílios, com cerdas finas ou grossas. Alguns bastões contém fibras de nylon ou de seda sintética para aumentar os cílios.


Foi inventado por Eugene Rimmel, um perfumista francês, fundador da House of Rimmel, no século 19. 


O rímel moderno, por sua vez, foi criado em 1917 pelo químico T.L. Williams depois que sua irmã Maybel lhe pediu que criasse um produto fácil de usar. 


Este novo rímel foi feito misturando vaselina e pó de carvão. Ele fez tanto sucesso que Williams começou a vender seu novo produto pelo correio. Anos depois, sua pequena empresa, chamada Maybelline Company, se tornou uma das líderes na indústria de cosméticos. 


O surgimento do tubo com bastão de aplicação o tornou ainda mais atrativo para o mercado do que a antiga pasta de rímel. 


Max Factor foi a primeira a utilizar esse tipo de recipiente para o cosmético. Essa mudança deu início aos produtos que estão disponíveis atualmente.


Fonte: Wikipédia


Beijos.
VB.

Um comentário:

  1. Que interessante... adoro essas historias rs!

    Bjão

    www.compreiporai.com

    ResponderExcluir